O Que Você Vai Ser Quando Seu Filho Crescer?

Esta foto mostra a minha alegria em trabalhar em casa e ainda receber um cafezinho com bilhetinho no escritório, mas tudo isso começou em um momento no qual tudo na minha vida ia de mal a pior.

A única coisa que me segurava no mundo era saber que por pior mãe que eu estivesse sendo os meus filhos precisavam de mim.

A gota d`água foi um dia em que fui chamada na escola da Gabi e a professora disse que ela estava muito estressada e depressiva.

Ela chorava do nada e ficava nervosa com os colegas por qualquer coisa.

O que a minha filha estava levando para a escola era um sintoma do que ela estava vivenciando em casa.

Naquele momento que eu decidi que não dava para continuar daquele jeito e que eu teria que arriscar uma nova vida.

Eu decidi buscar a minha felicidade porque a única maneira de ensinar nossos filhos a serem felizes é sendo feliz.

E a minha ação foi fazer um processo de coach no qual eu pudesse descobrir que tipo de negócio eu deveria empreender.

Aquela foi a minha primeira ação e com certeza foi a melhor coisa que eu fiz na minha vida, mas não foi fácil!

Este era o momento que eu vivia quando decidi empreender.

 

Na Gestação…

A verdade é que durante a gestação somos paparicadas por todos.

Eu falei sobre isso no artigo que eu fiz para o Casa de Viver, o qual você pode ver na íntegra aqui.

As pessoas nos sedem a cadeira, carregam nossa bolsa e até perguntam se está tudo bem.

Durante a gestação preparamos o enxoval, o quarto, o chá de bebê, o parto. Tudo com muito amor para receber o nosso maior tesouro.

Com a chegada do bebê, em passe de mágica, todo encanto vira realidade.

Nos descobrimos mães em um momento de muito amor e dor.

E as pessoas desaparecem, pois não querem nos incomodar (e nem ajudar)!

O puerpério é uma fase extremamente delicada. São tantas transformações no nosso corpo e em nossa mente que passamos por um processo de esgotamento físico e mental.

Mas não para por aí, afinal de contas ser mãe é um verdadeiro Game. A cada fase vai ficando mais difícil e emocionante!

E cadê a mulher que existia em você?

Seus desejos e necessidades vão ficando de escanteio enquanto você se entrega de corpo e alma por aquele pedacinho de você, que num piscar de olhos estará com o canudo da Universidade em mãos!

Quando éramos crianças as pessoas nos perguntavam:
“O que você vai ser quando crescer?”

O tempo passou rápido demais e talvez você ainda não tenha certeza se escolheu a profissão correta.

Hoje eu te pergunto:

“Quem você vai ser quando os Seus Filhos crescerem?”

Lembre-se que o tempo passa rápido demais e que o amanhã é consequência do hoje.

Ser mãe é de fato o melhor presente que recebemos, é uma tremenda oportunidade de reavaliarmos a nossa vida. É uma nova chance para a felicidade plena.

Com a chegada da maternidade os nossos valores mudam e muitas mães perdem o prazer pela profissão e a autoestima.

Nos sentimos sozinhas e a única certeza que temos é que o nosso maior propósito é criar filhos felizes.

As crianças aprendem através da vivência, isso significa dizer que só é possível criar filhos felizes uma mãe feliz.

Conscientizar-me disso foi o ponto de virada para a minha transformação.

Eu estava desgostosa do trabalho e da vida, até decidir que meus filhos não mereciam aquela mãe frustrada e infeliz.

Passei por um intenso processo de transformação e hoje me sinto muito mais segura, plena e realizada.

Virei Mães, E Agora?

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Eu fui convidada pelo Casa de Viver para compartilhar com você como eu saí do fundo do poço e criei um negócio alinhado às minhas paixões.

Este encontro acontecerá no próximo Café com Mães Empreendedoras que será realizado no dia  23 de junho, das 15:30 às 17:00hr .

 

Clique aqui e se inscreva para reservar a sua vaga.

Eu vou te contar o passo a passo para que você possa replicar na sua vida e criar a vida e o trabalho dos seus sonhos.

Vem com a gente organizar o seu destino!

Fica com Deus e até o próximo post!

bjs,

Van 🙂

No Comments

Leave a Comment